Em cores



No céu - o azul
Na montanha - o verde
No chão - a mancha
vermelha
densa
de quem um dia teve vida.


10 comentários:

isa disse...

Cinco versos plenos de beleza e Vida!
Não esqueço vc, ñ!
Música linda que me acompanha enquanto escrevo estas palavras,para
um Amigo.
Beijo.
isa.

Rô... disse...

oi meu amigo,

como denso
são os teus versos de hoje...
densos e intensos...


beijinhos

Vivian Fernandes de Goes disse...

Olá,Paulo!

Uau! Poucas palavras,mas imenso em profundidade!!!
Beijos!

lis disse...

... e no coração a esperança,
promete?
te abraço

maria teresa disse...

No mar o azul e o verde estão envolvidos num bailado que encanta a vida!
Abraciho meu!

Mente Hiperativa disse...

Que fatídico esse, hein...

PS: o blog já tá no clima do natal, senti até a neve fria caindo rsrsrs, além é claro da árvore iluminada aqui ao lado. Abraço

SOL da Esteva disse...

O Arco Íris é efémero como a Vida. No entanto a sua beleza é inigualável.


Abraços


SOL

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu amigo

Que uma chuva de esperança molhe essa terra e adoce a vida.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Amanda Lemos disse...

Muito interessante o Blog !
Muito difícil encontrar na “ blogosfera “ espaços originais e bacanas como este !

Deixo aqui meu espaço, caso queria dar uma olhada, seguir...

http://www.bolgdoano.blogspot.com.br/

Muito Obrigada, desde já !

Sissym disse...

Pois é, mas usando a imagem, até na maior seca pode brotar uma nova semente e a vida voltará a brilhar.

bjs