Blecaute




Era tudo tão pequeno
tão mesquinho
que os meus olhos
cegaram-se
apagando em mim
a luz que outrora
existia.

8 comentários:

#*Marly Bastos*# disse...

Ah quando o blecaute vem da alma, não tem como não apagar tudo. E quando a luz retorna aos olhos, eles já estão prontos para a nova claridade.
bjks doces Paulo, e um fim de semana de muita paz.

lis disse...

Sentimentos que passam como uma nuvem
_ outro dia amanhece Paulo e volta o sol.
quero-te feliz,ok ?
bom sábado

isa disse...

Sei que é assim,mas deixe entrar a luzinha teimosa,insistente,do vaga lume,como se adivinha na foto...
Beijo.
isa.

✿ chica disse...

Quando me deparo com algo ou alguém assim pequeno, escuro de alma,mesquinho, dá também uma péssima sensação!! Descreveste bem! abração,chica

Catia Bosso disse...

Pequeno= cérebro paCaTo!
Mesquinho= cérebro paRaDo!


bjsMeus
Catita

Sissym disse...

Eu já me senti assim.
Acontece quando nos decepcionamos.

Bjs

Vera Lúcia disse...


Paulo querido,

Às vezes somos tocados desta forma e tomados por este blecaute na alma, que nos tira o brilho da existência. Mas são apenas momentos, pois a negrite da noite passa, trazendo novamente a luz para irradiar a esperança em nossos corações.

Beijo e ótimo final de semana. (Obrigada pelo carinho).

Cris Campos disse...

Prender a alma ao que é pequeno é o que mais a limita e apaga. Gr. Bj.