Vulcânico





Depois da explosão
correnteza
-  vidas
marcadas em
suspiros e manchas
ígneas.

3 comentários:

Simone MartinS2 disse...

"A vida passa por nóes como aguas de corredeira, rapido, sem destino, com pedras no caminho, dias turbulentos e calmos, tempestade, calmaria e brisa...Assim, vejo a Vida! Aprendi que devo me sentar, descansar e deixar essa correntezame levar, sem medo de cair no abismo do marasmo ou mesmo, terminar num sinples e solitário lago...!

Obrigada pelo carinho, palavras em meu blog. que afagaram, acalentaram meu coração...Não tenho medo da morte, mas do que as pessoas vivas podem fazer conosco, talvez eu tenha pena, não medo! Estou tranquila...Abraços! Gratidão!

Leninha disse...

Meu querido amigo,

E nesta tranquila varanda, ao som de um vulcão (contradições da vida)me embalo na intensidade de teu verso...mas não adormeço, manchas ígneas me invadem a retina, explosões, tempestades e arrebóis sanguinolentos.E mergulho em teu sonho.

Bjsssss,
Leninha

maria teresa disse...

Manchas ígneas são marcas de explosões, são quase eternas!
Abracinho meu!