Pedido





Então,
atravesse o mundo
venha na asa da canção
me dê a mão
e me leve junto
na alma desse destino
alanhado
de tanto esperar

Então,
não  deixe a canção
terminar
venha na asa da paixão
abrace-me forte
recupere este corpo
exilado
quase morto
pelos lanhos da dor.

Então,
atravesse a canção
venha na asa do mundo
venha nesta paixão vivaz.
Venha...





(Postagem no piloto automático, voltando na quarta-feira)

26 comentários:

Irene Freitas disse...

Quando????? rsrsrsrs

Simone MartinS2 disse...

"...e na canção iremos
sibilar as nossas melodias.
Cada tom e semi tom, se tornará
um novo ponto, para que a
canção nunca termine e sempre
possa ser ouvida por nós dois,
num dueto lindo de amor!"

Abraços

Luís Coelho disse...

?????

✿ chica disse...

Linda poesia, ENTÃO, aplaudo! abração, ótimo fds!chica

PauloSilva disse...

Poesia tão leve, palavras bem acentuadas. Que lindo!
Um abraço.

O verdadeiro Amor!!! disse...

Então,
atravesse o mundo
venha na asa da canção
me dê a mão
e me leve junto
na alma desse destino
alanhado
de tanto esperar.

Muito lindo!Um grande beijo no seu coração!

Anne Lieri disse...

Paulo, e ficou mesmo uma bela canção a sua poesia!Gosto tanto de poesia assim!Muito inspirada!bjs e bom sábado!

**Escritora de Artes** disse...

Depois desses versos, só resta ela ir...

Abçs

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Paulamigo

Sou mais de prosa, mas esta prosa em verso deixa-me encantado. A poesia tem que se lhe diga: às vezes, consigo fazer umas quadras esconsas e meio tortas.

Mas, uma canção, seja ela qual for, é sempre... uma canção; e esta é bonita, sentida, fascinante, até. Gostei; gosto.

Espero que vás até à minha Travessa; assim, ela será também tua. Obrigado

Abç

silvioafonso disse...

.


O importante, Paulo. É que ela
venha. Com ou sem música. Com
ou sem roupa. Querendo ou não
vir.
Do resto a gente cuida...

Um abração.

silvioafonso





.

Janaina Cruz disse...

Quando o amor chega na canção, entra na alma não tem jeito.

A beleza das palavras aneladas com amor e a imagem, casaram-se perfeitamente.

Amei o blog, sigo-o com prazer.

Abraços e ótimo fim de semana

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Que foto maravilhosa!
A canção, então, nem comento...

Um beijo,
da Lúcia

Artes e escritas disse...

Não exatamente feito no piloto automático porque combina com o filme, lembrei do filme bom e não lembrei o nome do filme. Um abraço, Yayá.

♥♥♥Ani♥♥♥ disse...

Bom dia Paulo querido


Então venha....
Lindo!

Beijos e um domingo maravilhoso pra você.

Ani

Mariani Lima disse...

Paulo, como sempre uma coisa linda de ser ler por aqui e a imagem tb, muito interessante.

Abração!!

Sonhadora disse...

Meu querido Paulo

Quando o amor acontece, não se pode deixar esperar...Lindo como sempre.

beijinho
Sonhadora

Paula Barros disse...

Um pedido quase irrecusável.
Gostei muito da imagem.
bjs

Centelha Luminosa disse...

Olhando bem a imagem do filme, depois lendo o teu poema, meu Deus!...Magnifica sintonia entre as tuas letras cheias de poesia e a poesia cheia de imagem, do filme e dela , a musa da tua poesia!
A d o r e i !!

Beijinhos da Lu...

Michele Pupo disse...

Viajou e não deu tchau.
Muito feio, Paulo. Muito feio! :P

Saudade.

Bjs

Janice Adja disse...

Que venha com a mesma intensidade que estais indo.
Beijos!

Reflexo d'Alma disse...

Paulo, te espero la no Espelhando, comente o maravilhoso texto tabu
do silvioafonso.
Mas comente mesmo!
Abra o verbo
, dai na varanda da sua
casa mesmo.
Alias precisamos conversar eu e vc.
Bjins

Flor da Vida (Suelzy Quinta) disse...

Maravilhoso! Amei!!!!

Amigo, carinhos...
Beijos floridos

Solange disse...

não importa como..mas venha pra perto de mim..

bjs.Sol

Parole disse...

Pedindo assim, com certeza ela virá.

Deixo um beijo.

silvioafonso disse...

.


O canto dos pássaros.
O canto do mundo.
O canto encantado.
Oh, canto que me
deixa mudo!

Palhaço Poeta



.

Maria Luiza disse...

Então aqui estou! Vim voando, admirada com sua presteza! Chegou rápido, chegou também voando no meu poema. Obrigada, amigo dos lindos poemas do jeito que eu gosto! Abração!