Experiência





Quando o meu amor foi maior que o mundo
                        transportei-me para o orbe estelar
                        transmudei-me
-tornei-me sereno, pleno
Quando a plenitude se fez existir
                        desvencilhei-me das amarras do passado
                        desapoquentei-me
-desatei-me de cada nó da dor
Quando tudo fora possível – se é possível tudo ser possível
percebi que a minha carne é frágil  diante da navalha da traição
Quando todo aquele amor se tornou exil
-pela exiguidade de seus sentimentos
                         retirei-me/refugiei-me nas lembranças vãs
         de um passado morto.
Quando o meu amor foi o maior do mundo
                        ceguei-me diante de ti – não via-te
simplesmente me via na sua existência.
Quando o meu amor for de novo maior que o mundo,
transportar-me-ei para os orbitais estelares
                        transmudar-me-ei
tornar-me-ei mais sereno, mais pleno – não terei nós pra desatar.
Quando tudo for possível – se é que tudo pode ser possível
estarei mais calejado e mesmo cego diante do amor
mas mesmo assim quero ser pleno na arte de amá-la.

8 comentários:

Simone MartinS2 disse...

"E se depois de tantos dissabores,
quiseres ainda retornar e ser o meu
unico amor, estarei mudado, transmudado, esperando pelo teu amor, apaixonado!"

Adoro, adoro, adoro!
Voce escreve de uma forma
singular e unica.
E eu, sempre intrometida,
tentando te plagiar, interagindo
modificando, brincando...Abraços
Ps. Espero que voce nunca venha
brigar comigo e proibir minhas interações, se não, vou ficar de bico, feito criança no castigo!

Paula Barros disse...

Eis um grande desafio ser pleno na arte de amar. Porém quando o amor ocorre, o desafio não é mais desafio, é a entrega.

Só belezas a cada post. beijo

Rô... disse...

oi Paulo,

de todas as experiências que podemos expor ao nosso coração,
a maior e melhor de todas,
sem dúvida,
é a plenitude do amar...
lindos seus escritos de hoje!!!

beijinhos

Cris Campos disse...

Tudo pode sim ser possível, é isso que faz valer a pena a busca e as lembranças. Gr. Bj.

Van disse...

E chegará lá, esta busca pela plenitude do amor, chega aos que se abrem para receber a compreensão que a maturidade trás. Todos envelhecem, alguns amadurecem.

Paulo querido,

obrigada pelo beijo especial de ontem, pelo carinho ao comemorar comigo meu dia feliz!

Beijos

Catia Bosso disse...

Querido meu.... Lindo seu ninho... Como sempre. Vim matar a saudade...

Bjs meus

Catita

**Escritora de Artes** disse...

Lindo meu amigo!

Seja sempre pleno em tudo!

Abçs

Nelma. disse...

Claro que tudo é possível!
E só querer.
Querer é poder.
Beijos.