HEMATOMAS














Tire
o gosto amargo
do passado de ontem
a dor ardida
ferida esquecida
numa cicatriz
Tire
o veneno entranhado
o amor machucado
de dentro de mim

2 comentários:

Flor da Vida disse...

Ah! De mim também... Amei teu poema-oração poeta!!! Carinhos... Bjsss

Saulo Taveira disse...

"Poema-canção" é bem dito.

Bom domingo.
Abraços.