Escuro

Estava tudo apagado
o quarto
a casa
a rua
o bairro
o céu
e os olhos teus.

Paulo Francisco